AGU envia pedido de prisão de ex-secretário de Segurança Pública do DF

1 year ago 87
Política
AGU envia pedido de prisão de ex-secretário de Segurança Pública do DFManifestantes invadem Congresso, STF e Palácio do Planalto. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Advocacia-Geral da União (AGU) enviou neste domingo ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma petição em que solicita uma série de medidas judiciais em resposta aos atos antidemocráticos ocorridos hoje (8) em Brasília. Entre os pedidos, está a prisão em flagrante do ex-secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Anderson Torres, exonerado pelo governador Ibaneis Rocha.

Além de Torres, a AGU requereu a prisão de demais agentes públicos responsáveis por atos e omissões nas manifestações em Brasília. O ex-secretário de Segurança Pública está em viagem à Flórida (EUA) e teria antecipado o retorno ao Brasil. A petição foi ajuizada aos inquéritos 4.781 e 4.874, que tramitam no STF e investigam atos antidemocráticos.

De acordo com a AGU, os pedidos se baseiam na grave violação à ordem democrática e a necessidade premente de minimizar os prejuízos causados à paz social e ao Estado Democrático de Direito na invasão a prédios dos Três Poderes no DF.

A AGU também pediu a imediata desocupação de todos os prédios públicos federais em todo o país e a dissolução dos atos antidemocráticos realizados nas imediações de quartéis e outras unidades militares. O governo pediu que o STF autorize o uso de todas as forças de segurança pública do Distrito Federal e dos estados.

O órgão pediu ao STF que determine a interrupção da monetização de perfis em redes sociais que incentivaram a tentativa de depredação de prédios públicos em Brasília. As empresas de telecomunicações, em especial as companhias de telefonia celular, deverão armazenar, por 90 dias, os registros de conexão suficientes para a identificação e a geolocalização dos usuários que estão nas imediações na Praça dos Três Poderes e do Quartel-General do Exército no Distrito Federal.

Além do pedido de prisão do ex-secretário de segurança, AGU também pediu ao Supremo que determine às autoridades competentes a apuração e responsabilização civil e criminal dos responsáveis pelos atos ilícitos, incluindo agentes públicos, além da realização de perícia e outros atos necessários à coleta de provas. Também foi pedida a apreensão de todos os veículos e dos demais bens utilizados para transporte e organização dos atos criminosos. Caberá à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) manter registro de todos os veículos ligados aos atos de hoje que entraram no DF entre 5 e 8 de janeiro.

Com Agência Brasil

Marco Antônio Lopes

Marco Antônio Lopes

Jornalista, é editor no Suno Notícias. Trabalhou nas revistas Playboy, Super, Veja Comer & Beber, Homem Vogue e Universo Masculino, além dos portais Abril.com, R7, nas editorias de Home, Esportes, Hora 7, Entretenimento e Geral, e Eu Quero Investir. Autor do livro Bruce Lee: Definitivo (Editora Conrad). Colaborou nas revistas Nova, Veja SP, Grandes Guerras, Placar, Bizz, Casa Claudia e Quatro Rodas.

Read Entire Article