Após invadirem STF, bolsonaristas golpistas exibem porta de Alexandre de Moraes

1 year ago 76

Bolsonaristas golpistas que invadiram, neste domingo (8), o prédio do Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília, exibem nas redes sociais uma porta com a inscrição do ministro Alexandre de Moraes.

Moraes, além de ministro da Corte é presidente do TSE e comandou as últimas eleições presidenciais, vem sendo hostilizado pelos bolsonaristas radicais desde que assumiu as investigações sobre o inquérito das Fake News.

A porta com o nome do ministro vem sendo exibida como uma espécie de “troféu” no Telegram por grupos golpistas. Mas, ao contrário que os radicais pensam, o objeto não é do gabinete de Moraes, mas do armário onde suas togas são guardadas, localizado junto ao plenário.

Invasão de Brasília

Bolsonaristas radicais invadiram o Congresso Nacional, o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Palácio do Planalto, na tarde deste domingo, após entrarem em confronto com a Polícia Militar na Esplanada dos Ministérios em Brasília.

A ocupação começou por volta das 15h e vem ganhando proporção. Forças de segurança do Distrito Federal e da Polícia Legislativa do Congresso estão em ação tentando controlar a situação.

O grupo de golpistas saiu do quartel-general do Exército e caminhou em direção à Praça dos Três Poderes. A Polícia Militar tentou conter os bolsonaristas com spray de pimenta, mas eles conseguiram ultrapassar a contenção que cercava o Congresso e acessaram o sagão principal.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Inconformados com o resultado das eleições de outubro, o grande grupo, que está trajado de verde e amarelo, pede intervenção militar no país e carrega pedras e pedaços de madeiras. Imagens mostram pessoas depredando os prédios, quebrando vidros e portas das sedes do Planalto, Congresso e STF.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não está em Brasília. O presidente passa o fim de semana em São Paulo e neste domingo foi a Araraquara, no interior do Estado, para acompanhar estragos causados pelas chuvas na região.

Não há número exato de quantos golpistas estão presentes na ação em Brasília, mas imagens mostram milhares de pessoas. Anderson Torres, Secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, foi demitido do cargo por não conseguir conter a invasão dos prédios.

Read Entire Article