Autoridades dos EUA apreendem US$ 460 milhões em ações da Robinhood vinculadas à FTX, diz reportagem

1 year ago 101

As autoridades disseram a um juiz de falências que estavam em processo de apreensão das 56 milhões de ações da Robinhood vinculadas à FTX e ao seu ex-CEO, Sam Bankman-Fried.

Autoridades dos EUA apreendem US$ 460 milhões em ações da Robinhood vinculadas à FTX, diz reportagem

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos teria apreendido ou está em processo de apreensão de mais de US$ 400 milhões em ações da Robinhood vinculadas à FTX como parte do caso movido contra a exchange de criptomoedas e o seu ex-CEO, Sam Bankman-Fried.

De acordo com uma reportagem publicada em 4 de janeiro pela Reuters, as autoridades dos EUA disseram a um juiz que estavam em processo de apreensão de ativos vinculados à FTX e ao seu ex-CEO, que incluíam 56 milhões de ações da Robinhood - no valor de aproximadamente US$ 468 milhões na momento da publicação deste artigo. A reportagem foi divulgada um dia depois que um juiz do processo criminal movido contra a SBF ordenou que ele não acessasse ou transferisse nenhuma criptomoeda ou ativo da FTX ou da Alameda.

Em meio ao processo de falência da FTX, o controle das ações da Robinhood está sob disputa, já que muitos investidores e credores esperam ser integralmente ressarcidos. BlockFi, Bankman-Fried e o credor da FTX, Yonathan Ben Shimon, reivindicaram a posse de tais ativos.

No tribunal federal em 3 de janeiro, Bankman-Fried se declarou inocente de oito acusações criminais, incluindo fraude eletrônica, fraude de valores mobiliários e violações das leis de financiamento de campanhas eleitorais. Ele também negou a transferência de fundos da Alameda, dizendo que não tinha mais acesso às carteiras desde que deixou o cargo de CEO da FTX em novembro.

The outcome of SBF's prosecution could determine how the IRS treats your FTX losses

O ex-CEO da FTX está em prisão domiciliar na casa de seus pais na Califórnia desde dezembro, mas foi autorizado a viajar por motivos de força maior. Inclusive para comparecer ao tribunal em Nova York. A data do julgamento de SBF foi marcada para 2 de outubro.

LEIA MAIS

Read Entire Article