Bitcoin não deve ficar em baixa por muito tempo, afirma trader

1 year ago 68

Jason Pizzino, popular analista e trader de criptomoedas, disse que vê sinais de que o Bitcoin (BTC) está atualmente em um estágio de acumulação, sendo este o melhor momento para investir no criptoativo.

Pizzino afirmou que, com base na proporção de valor de mercado para valor realizado (MVRV), o BTC pode ter apenas alguns meses restantes na zona de acumulação baixa que ele está passando neste momento.

O trader afirmou:

“Podemos ter apenas cinco meses restantes de Bitcoin abaixo dessa zona [de acumulação de MVRV] que, no passado, exibia boas oportunidades de compra antes que o mercado começasse a se acumular a preços mais altos, como aconteceu em 2015 e novamente em 2019 e 2020 e depois vá para os próximos mercados em alta.”

Valores de MVRV abaixo de 1 sugerem severa capitulação do mercado e que a acumulação está em andamento. 

A proporção MVRV do BTC está atualmente abaixo de 0,85 no momento da redação deste artigo.

Sobre a probabilidade de o bitcoin cair abaixo da mínima de 2022 de cerca de US$ 15.600, o analista afirmou:

“Pode ser fácil para muitos investidores ficarem para trás porque esperam preços cada vez mais baixos. Mas muitos dos dados mostram que, se não atingirmos o preço mínimo exato do Bitcoin, provavelmente estaremos em algum lugar em torno disso.”

De acordo com Pizzino, o BTC pode chegar ao fundo entre o preço de US$ 13.000 a US$ 14.000 se a resistência no nível de US$ 18.500 for quebrada.

“Queremos ver se o Bitcoin vai testar esses preços mais altos, primeiro atingir US$ 18.500, esse será um nível chave. 

Acho que se quebrarmos isso, provavelmente colocaremos uma baixa mais alta por volta do período de março a abril.

Mas se não o fizermos, se não conseguirmos ultrapassar os US$ 18.500, provavelmente colocaremos algum tipo de mínima mais baixa.”

Read Entire Article