Carrefour Brasil (CRFB3) tem baixa de 95% no lucro ajustado no segundo trimestre, para R$ 29 milhões

10 months ago 53

O Carrefour Brasil (CRFB3) registrou baixa de 95,2% no lucro líquido ajustado no segundo trimestre de 2023 em relação a igual período do ano passado, saindo de R$ 600 milhões para R$ 29 milhões.

De acordo com a varejista, o resultado foi impactado pelo impacto financeiro de sua integração com o Grupo BIG.

O lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado foi de R$ 1,339 bilhão, queda anual de 21,7%. Isso levou a uma queda da margem Ebitda ajustada de 2,0 p.p. (pontos percentuais), para 5,2%.

Saiba mais:

Confira o calendário de resultados do 2º trimestre de 2023 da Bolsa brasileira

O que esperar da temporada de resultados do 2º trimestre? Confira ações e setores para ficar de olho

Ebook Gratuito

Análise de Balanços

Cadastre-se e receba um ebook que explica o que todo investidor precisa saber sobre os resultados das empresas

As vendas líquidas somaram R$ 25,954 bilhões no segundo trimestre deste ano, crescimento de 8,1% na comparação com igual etapa de 2022.

O volume bruto negociado (GMV, na sigla em inglês) total do e-commerce atingiu R$ 2,0 bilhões no 2T23, crescendo 30,1% em relação ao mesmo período do ano anterior, impulsionado tanto por alimentar – destaque para o desempenho 1P com crescimento de +53,7% na base anual – quanto por não-alimentar, que cresceu 13,7% na base anual.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O lucro bruto atingiu a cifra de R$ 5,112 bilhões no segundo trimestre de 2023, um aumento de 11,9% na comparação com igual etapa de 2022. A margem bruta foi de 19,7% no 2T23, alta de 0,7 p.p. frente a margem do 2T22.

As despesas gerais e administrativas somaram R$ 3,793 bilhões no 2T23, um crescimento de 32,2% em relação ao mesmo período de 2022.

O faturamento do Banco Carrefour totalizou R$ 14,6 bilhões no 2T23, alta de 13,4% na comparação ano a ano, impulsionado pelo crescimento de dois dígitos do cartão de crédito Atacadão (+17,7%) e crescimento de 7,4% do cartão de crédito Carrefour.

O resultado financeiro líquido foi negativo em R$ 778 milhões no segundo trimestre de 2023, uma elevação de 94,6% sobre as perdas financeiras da mesma etapa de 2022.

Em 30 de junho de 2023, a dívida líquida da companhia era de R$ 16,9 bilhões, um crescimento de R$ 3,2 bilhões na comparação com a mesma etapa de 2022.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O indicador de alavancagem financeira, medido pela dívida líquida/Ebitda ajustado, ficou em 2,17 vezes em junho/23, alta de 0,21 pp em relação ao mesmo período de 2022.

Read Entire Article