Como a Taylor Swift melhorou as vendas em varejista americana

2 weeks ago 105

(Reuters) – O mais recente álbum da superestrela Taylor Swift, “O Departamento de Poetas Torturados”, foi lançado apenas duas semanas antes do fim do trimestre da Target e, ainda assim, as vendas foram suficientes para impulsionar a divisão de entretenimento da varejista. 

A Target afirmou que a categoria cresceu perto de 10% no último trimestre, beneficiando-se de ofertas exclusivas para o mais recente lançamento de Swift. 

Swift lançou as primeiras 16 faixas de “Poetas” em 19 de abril e, duas horas depois, surpreendeu os fãs ao revelar um álbum duplo, com mais 15 músicas.

Continua depois da publicidade

“Com uma versão do álbum exclusiva para a Target e três opções exclusivas de CD, esta foi a pré-venda de música mais forte da nossa história”, disse a diretora de crescimento da Target, Christina Hennington, em um comunicado pós-lucros nesta quarta-feira. 

A empresa acrescentou que as vendas foram elevadas por eventos nas lojas para o álbum, que incluíram um vinil exclusivo da Target que tinha faixas bônus.  

Diversifique investindo no Brasil e no exterior usando o mesmo App com o Investimento Global XP

Continua depois da publicidade

As vendas tradicionais de álbuns deste lançamento chegaram a 1,91 milhões na semana que terminou em 25 de abril, entre álbuns digitais baixados, CDs, cassetes e também 859.000 vendas de vinis, segundo a Billboard, citando dados da Luminate. 

Swift, 34 anos, está batendo recordes na música e impulsionando economias locais com o Eras Tour, que foi retomado em Paris neste mês, um fenômeno que alguns economistas estão chamando de “Swiftflation”.

(Reportagem de Ananya Mariam Rajesh em Bengaluru)

Read Entire Article