Criadora do Axie Infinity desenvolverá novo jogo em parceria com CyberKongz

10 months ago 58

A executiva da Sky Mavis, Kathleen Osgood, disse que o catalisador para o renascimento dos jogos blockchain seria uma experiência que entendesse as motivações que levam os usuários à Web3.

Criadora do Axie Infinity desenvolverá novo jogo em parceria com CyberKongz

A Sky Mavis, a empresa por trás do popular jogo blockchain play-to-earn (P2E) Axie Infinity, anunciou uma parceria com a coleção de tokens não-fungíveis (NFT) baseada na Ethereum, CyberKongz, para criar um ecossistema de jogos mais abrangente para a blockchain Ronin.

No anúncio, a empresa também deu pistas sobre a criação de um novo jogo, mas forneceu poucos detalhes sobre o desenvolvimento do próximo jogo. No entanto, Kathleen Osgood, chefe de desenvolvimento de negócios da Sky Mavis, disse ao Cointelegraph em uma declaração que o novo jogo será interoperável, integrando-se às experiências existentes do Axie Infinity.

Além de um novo jogo, o anúncio também destacou que o jogo Play & Kollect da CyberKongz - um jogo blockchain baseado na Polygon que integra tokens soulbound e permite que os jogadores colecionem NFTs dentro do jogo - também está migrando para a blockchain Ronin. De acordo com o anúncio, a mudança para a blockchain Ronin permitirá que a CyberKongz expanda sua base de usuários ao acessar a comunidade central de jogos da Ronin.

O volume de vendas da Axie Infinity disparou em 2021, mas desacelerou ao longo de 2022 e 2023. Fonte: CryptoSlam

Axie Infinity se tornou popular em 2021 por introduzir um novo paradigma nos jogos chamado "play-to-earn". Isso permitiu que os jogadores ganhassem tokens cripto ao jogar o jogo. De acordo com o rastreador de dados NFT CryptoSlam, o jogo ainda é o projeto líder em volume de vendas. Por outro lado, o CryptoKongz também chamou a atenção em 2021 por queimar 4 milhões de Ether (ETH) em cinco horas durante seu evento de criação de tokens.

Em comparação com a loucura de NFT em 2021, o interesse em jogos blockchain tem sido menor recentemente, com alguns jogos baseados em cripto, como Neopets, fazendo uma transição para uma abordagem não cripto.

Mais cedo neste ano, Aleksander Larsen, co-fundador da Sky Mavis, disse ao Cointelegraph que o modelo play-to-earn "não funciona em seu estado atual". Larsen destacou em 12 de janeiro que os jogos devem ser divertidos em primeiro lugar e exigir um sólido respaldo econômico para permitir que os jogadores ganhem.

Apesar disso, Osgood continua otimista de que o catalisador para a retomada do espaço de jogos blockchain virá de um jogo ou experiência que "compreenda verdadeiramente as motivações subjacentes que levam os usuários em direção à Web3".

De acordo com a executiva, muitas equipes dentro do espaço têm apenas tentado copiar e colar o que funcionou na Web2. No entanto, Osgood acredita que isso não será o catalisador para um crescimento explosivo. Ela explicou:

"O potencial para atrair uma enorme audiência está na abordagem inovadora de alavancar a Web3 como uma nova experiência, ao mesmo tempo em que aproveita efetivamente os usuários que são naturalmente atraídos por suas ofertas únicas."

Osgood também disse ao Cointelegraph que a Sky Mavis começou a abrir sua infraestrutura para o ecossistema Web3 por meio da blockchain Ronin. A executiva disse que isso pode levar à criação de comunidades de jogos mais recompensadoras e duradouras.

Colecione este artigo como NFT para preservar este momento da história e mostrar seu apoio ao jornalismo independente no espaço cripto.

VEJA MAIS:

Read Entire Article