Criadores de NFT ainda lucram apesar do mercado em baixa, mostra CoinGecko

10 months ago 61
criadores-nft-lucram Foto: Freepik

Siga o CriptoFacil no Google News CriptoFacil

O mercado de baixa das criptomoedas tem sido um desafio para muitos envolvidos com criptoativos e tokens não fungíveis (NFT). Contudo, os criadores de coleções digitais têm conseguido superar essa barreira e continuar lucrando com royalties, de acordo com um recente relatório da CoinGecko.

A indústria de NFT não tem apresentado o mesmo ímpeto lucrativo de 2022, todavia, manteve-se lucrativa durante o primeiro semestre de 2023. Nesse período, o setor faturou em média US$ 34 milhões em royalties, representando 7% do faturamento no mesmo intervalo de tempo do ano anterior.

Os dados da CoinGecko revelam que 2022 foi o ano mais lucrativo para projetos NFT na rede Ethereum. Naquele ano, US$ 330 milhões em royalties foram gerados, correspondendo a 69% do total de royalties acumulados de março de 2021 a julho de 2023.

“Esses números apontam uma significativa transição no mercado de NFT, à medida que colecionadores e negociantes optam por evitar o pagamento de royalties. Paralelamente, observa-se uma redução geral no volume de transações de 2022 a 2023”, ressalta a CoinGecko.

Mercado de NFT

Segundo a mesma fonte, os 10 projetos NFT mais lucrativos precisariam aumentar seus ganhos atuais de royalties em 9,7 vezes para equiparar os resultados obtidos em 2022.

No universo dos criadores de NFT, a Yuga Labs emerge como líder em receita de royalties. A empresa gerou um total de US$ 178 milhões em royalties do período de 23 de abril de 2021 a 12 de julho de 2023.

Dentre suas diversas coleções NFT, a mais conhecida é a Bored Ape Yacht Club (BAYC), com 10.000 NFTs na rede Ethereum, que levantou US$ 59 milhões em royalties no período mencionado.

Além do BAYC, a Yuga Labs também criou a coleção Otherdeed for Otherside (OTHR), que gerou US$ 53 milhões, e o The Mutant Ape Yacht Club (MAYC), com US$ 43 milhões em royalties. Estas três coleções representam 87% dos ganhos totais da Yuga Labs, de acordo com o relatório CoinGecko.

Em segundo lugar entre as empresas que mais geraram royalties com NFTs, está a RTFKT, com US$ 83 milhões entre 3 de março de 2021 e 12 de julho de 2023. A coleção CloneX foi a mais lucrativa, arrecadando US$ 37 milhões em royalties.

Já a Chiru Labs aparece na terceira colocação, tendo recebido US$ 59 milhões em royalties de 12 de janeiro de 2022 a 12 de julho de 2023. A coleção Azuki é a mais representativa, respondendo por 75% dos lucros totais da empresa.

Siga o CriptoFacil no Google News CriptoFacil

Tudo o que você precisa para ficar informado sobre o mercado

Fique atualizado sobre as últimas tendências em Bitcoin, Criptomoedas, DeFi, NFT, Web 3.0, Blockchain e Layer 2. Junte-se a nossa lista de mais de 20 mil assinantes.

Read Entire Article