Fabricante de carros lança experiência no metaverso

1 year ago 73

As montadoras estão começando a tirar proveito da realidade virtual e do metaverso para permitir que os clientes tenham uma abordagem diferente para seus produtos. 

A Maruti Suzuki, uma das principais fabricantes de automóveis da Índia, anunciou que começará a oferecer experiências imersivas em showrooms baseados em metaverso para sua linha de carros.

A empresa, que já produziu milhões de carros para o mercado indiano, anunciou que está lançando sua rede Arenaverse, que permite aos clientes interagir com qualquer um dos carros oferecidos pela empresa. 

Os clientes podem configurar estes carros com diferentes opções, apreciando as alterações propostas numa representação virtual do veículo.

Os clientes não estarão sozinhos nesta experiência, pois a empresa também delegará representantes comerciais para aconselhar os clientes sobre as opções possíveis e a forma como o sistema funciona, de acordo com um comunicado de imprensa.

A Maruti Suzuki visa que os clientes experimentem uma representação virtual abrangente dos carros disponíveis e seus recursos.

A empresa já distribuiu 700 headsets VR para sua rede de revendedores em todo o país para que os clientes tenham a experiência completa.

Haverá uma versão online deste Arenaverse para que os clientes fora desses pontos de venda também possam aproveitar a experiência usando PCs e celulares. 

Shashank Srivastava, diretor executivo sênior de marketing da Maruti Suzuki, comentou sobre a importância desses novos desenvolvimentos para a empresa.

Srivastava declarou:

“Na Maruti Suzuki, garantimos que nossa já forte jornada digital seja fortalecida para atender às exigências dos clientes da nova era. 

Levamos essa jornada digital um nível acima, trazendo a Arena, a maior rede de varejo de automóveis do país, para o metaverso.”

Outros fabricantes de automóveis também têm aproveitado o metaverso de maneiras diferentes. 

Em novembro, a Renault anunciou o lançamento de seu metaverso industrial, visando economizar até US$ 330 milhões com sua implantação.

Read Entire Article