Fundo de ETH da Grayscale se aproxima de desconto recorde de 60% enquanto persistem as tensões em torno do DCG

1 year ago 112

O Grayscale Ethereum Trust (ETHE) está sendo negociado com quase 60% de desconto em relação ao valor subjacente de seus ativos, com as ações caindo 93% em relação ao recorde histórico de junho de 2019.

Há muitas razões por trás do declínio contínuo do ETHE, mas nas últimas semanas aumentaram os temores de que as consequências das dívidas em aberto de aproximadamente US$ 1,675 bilhão da empresa controladora da Grayscale, o Digital Currency Group,  com o credor cripto problemático Genesis possam afetar os ativos sob gestão dos fundos da gestora.

Os dados da YCharts mostram um desconto de 59,39% no momento da redação deste artigo, um nível em que o ETHE é negociado desde pelo menos 28 de dezembro.

Gráfico de um ano do desconto do Grayscale Ethereum Trust. Imagem: YCharts

O influencer cripto do Twitter “db” postou uma imagem em 4 de janeiro descrevendo toda a coleção de fundos baseados em criptomoedas da Grayscale com estatísticas mostrando seus respectivos prêmios.

Every Grayscale trust and their respective premium % pic.twitter.com/TYQf5FmeXt

— db (@tier10k) January 3, 2023

Cada fundo da Grayscale e seu prêmio respectivo % 

— db (@tier10k)

Ele mostrou que a maioria dos fundos da Grayscale está sendo negociada com desconto, sendo o Ethereum Classic Trust o mais atingido, atualmente com um desconto de 77%, seguido pelo Litecoin Trust com 65% e o Bitcoin Cash Trust com 57%.

O Grayscale Bitcoin Trust (GBTC) está sendo negociado com um desconto de 45%.

Apenas dois fundos da Grayscale estão sendo negociados atualmente com um prêmio, o Filecoin Trust, com 108%, e o Chainlink Trust, com 24%.

De acordo com o site oficial da Grayscale, atualmente existem US$ 3,7 bilhões em ativos sob gestão no pool do Grayscale Ethereum Trust (ETHE), divididos em31 milhões de ações.

O valor do Ether (ETH) por ação é de cerca de 0,0097 ETH, equivalente a US$ 11,77, enquanto o preço de mercado por ação é de US$ 4,77.

O DCG, empresa controladora da Grayscale, foi criticada novamente esta semana. Cameron Winklevoss, cofundador da exchange de criptomoedas Gemini, criticou o CEO da DCG, Barry Silbert, em uma carta aberta no Twitter.

Winkelvoss alegou que a Genesis, empresa do DCG, deve à Gemini US$ 900 milhões em fundos emprestados a ela como parte do produto Earn da Gemini, que as duas empresas administravam em parceria.

A empresa de pesquisa e análise de ativos digitais Arcane Research sugeriu em um relatório de 3 de janeiro que a dívida significativa do DCG e da Genesis com a Gemini poderia fazer com que a DCG iniciasse uma distribuição Reg M dos ativos da Grayscale, o que permitiria aos detentores de ações do GBTC e do ETHE a resgatá-los pelos ativos subjacentes na proporção de 1:1.

Isso seria ruim para o mercado mais amplo de criptomoedas, mas bom para as ações do ETHE. De acordo com a Arcane: “Um Reg M causaria uma estratégia de arbitragem massiva de vender criptomoedas para comprar ações do GrayscaleTrust. Se esse cenário se concretizar, o mercado cripto pode enfrentar uma queda ainda maior.”

Winklevoss tem falado sobre os supostos problemas de liquidez do DCG. Em dezembro, ele escreveu no Twitter uma atualização dizendo que o banco de investimento global Houlihan Lokey havia apresentado um plano em nome do Comitê de Credores para fornecer um caminho para a recuperação dos ativos confiados à Genesis.

LEIA MAIS

Read Entire Article