Lido ultrapassa MakerDAO e agora tem maior TVL em protocolos DeFi

1 year ago 84

O protocolo de staking líquido Lido Finance parece ter se beneficiado do Merge da Ethereum em setembro, com seu valor total bloqueado (TVL) agora ocupando a primeira posição entre todos os protocolos de finanças descentralizadas (DeFi).

De acordo com dados da DefiLlama, o protocolo de staking líquido da Lido agora concentra US$ 5,9 bilhões em TVL, em comparação com os US$ 5,89 bilhões da MakerDAO e os US$ 3,7 bilhões da AAVE.

Lido now has the highest TVL of any DeFi protocol. pic.twitter.com/2xsM3lVGVl

— Patrick | Dynamo DeFi (@Dynamo_Patrick) January 1, 2023

Lido agora tem o maior TVL entre todos os protocolos DeFi.

— Patrick | Dynamo DeFi (@Dynamo_Patrick)

De acordo com o site da Lido Finance, em 2 de janeiro havia $ 5,8 bilhões em Ether (ETH) em staking. Enquanto isso, havia cerca de US$ 23,2 milhões em staking de Solana (SOL), US$ 43,9 milhões de Polygon (MATIC), US$ 11 milhões em Polkadot (DOT) e US$ 2,2 milhões em Kusama (KSM).

O sistema da Lido permite que os usuários acessem o staking de Ether sem a necessidade se comprometerem com o valor mínimo obrigatório de 32 ETH.

A firma de análise de dados on-chain Nansen observou em dezembro que soluções de staking como a da Lido tinham alta demanda por parte dos usuários desde a mudança da Ethereum para Prova-de-Participação (PoS).

O relatório da Nansen destacou o impacto do Merge na introdução do staked ETH como um instrumento de rendimento nativo de criptomoedas que ultrapassou rapidamente outros serviços que oferecem rendimentos passivos.

A Lido parece ter se beneficiado disso, já que a sua receita de taxas foi diretamente proporcional aos ganhos da prova-de-participação da Ethereum desde que a Lido passou a oferecer o serviço de staking líquido.

Em novembro de 2022, a Lido disse que vem coletando US$ 1 milhão em taxas diariamente desde outubro de 2022.

5 altcoin projects that made a real difference in 2022

Enquanto isso, o corpo diretivo do protocolo MakerDAO viu sua receita cair para pouco mais de US$ 4 milhões no terceiro trimestre, uma queda de 86% em relação ao trimestre anterior, de acordo com um relatório da Messari publicado em setembro de 2022, citando poucas liquidações e fraca demanda por empréstimos como os motivos da queda.

Em setembro, a Lido detinha a maior quantidade de ETH em staking entre todos os protocolos DeFi, com 31%, de acordo com Nansen, o que é uma quantidade significativa em comparação com duas das principais exchanges de criptomoedas, a Coinbase e a Kraken, detendo 15% e 8,5%, respectivamente.

LEIA MAIS

Read Entire Article