Stablecoin da Binance perde espaço entre usuários de criptomoedas

1 year ago 116

A capitalização de mercado da criptomoeda Binance USD (BUSD), que tem paridade com o dólar, caiu para US$ 16,4 bilhões em 3 de janeiro, a mínima de 11 meses, após ter atingido US$ 22,1 bilhões no início de dezembro, segundo dados do agregador CoinGecko.

A BUSD permanece como a terceira maior stablecoin do mundo, atrás de USDT e USDC.

O ativo perde boa parte do espaço conquistado após o movimento da Binance, em setembro, de abandonar várias stablecoins rivais e converter automaticamente os depósitos na corretora em BUSD.

O esforço ajudou a aumentar a capitalização de mercado do BUSD de US$ 18 bilhões em agosto, antes da conversão automática entrar em vigor, para US$ 23 bilhões em novembro.

Mas então, em dezembro, a Binance sofreu uma onda de saques de usuários depois que um relatório amplamente criticado sobre suas reservas realizado pela empresa de auditoria Mazars abalou a confiança na estabilidade da bolsa, que já sofria com a crise desencadeada pela falência da FTX.

Para completar, pouco depois, a Mazars interrompeu todo o trabalho com clientes do setor cripto e excluiu a auditoria da prova de reservas da Binance de seu site.

Diante de um movimento geral de saques na corretora, estima-se que os resgates líquidos de BUSD tenham alcançado US$ 5,5 bilhões em um mês.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O BUSD é emitido pela empresa de tecnologia financeira Paxos Trust Company, com sede em Nova York, sob a marca Binance, ancorado no preço de US$ 1 principalmente pela garantia de que é lastreado em reservas compostas por dólares e títulos do Tesouro dos EUA.

Como as stablecoins rivais USDT e USDC, seu objetivo é converter dinheiro fiduciário tradicional em criptoativos para facilitar trades de ativos digitais.

Quando os detentores de BUSD ou qualquer outra stablecoin resgatam seus tokens, o número de tokens em circulação diminui, mas o preço do ativo em si tende a não sofrer alterações, permanecendo próximo da âncora de US$ 1.

Como os usuários da Binance retiraram stablecoins da bolsa na forma de USDC e USDT, a Binance teve que resgatar BUSD junto à Paxos para sustentar as reservas de stablecoins rivais, de modo a atender às retiradas, explicou Tom Wan, analista da empresa de produtos de investimento em ativos digitais 21.co.

“A conversão automática da Binance foi uma faca de dois gumes”, avalia Wan.

Descubra por que a queda da Bolsa representa uma rara oportunidade e veja 6 ações incrivelmente baratas para comprar hoje

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Read Entire Article