União Europeia orienta imposição de teste anti-Covid para viajantes da China

1 year ago 78

(Photo by Kevin Frayer/Getty Images)

BRUXELAS, 4 JAN (ANSA) – Em uma reunião entre autoridades sanitárias e governos da União Europeia, o bloco informou que os Estados-membros estão sendo “fortemente encorajados a introduzir para todos os passageiros que partem da China o pedido de um teste anti-Covid efetuado não mais de 48 horas antes da partida” do país.

A decisão, anunciada nesta quarta-feira (4) após dois dias de debates, está entre as medidas aprovadas pelo Mecanismo Integrado Europeu de Resposta às Crises (IPCR) e comunicadas pela presidência da Suécia – líder rotativo do bloco.

Além dos testes, “os países-membros concordaram em recomendar que todos os viajantes de e para a China usem máscaras de proteção do tipo PFF2”.

O texto ainda pede que as nações ainda reforcem as análises do esgoto “em locais onde estão previstas escalas dos voos vindos da China” e que façam “testes de amostragem” nos passageiros dessas viagens – sejam chineses ou não.

Outra recomendação é que os governos da UE “continuem a promover as vacinações, incluindo as doses de reforço e, em particular, nos mais vulneráveis”.

O IPCR informou que, em parceria com o Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças (ECDC) e com o Serviço de Ação Externa, “continuará a monitorar a situação epidemiológica e os desenvolvimentos da situação na China, incluindo o compartilhamento de dados, com o objetivo de assegurar a coordenação no interior da UE”.

Os países-membros ainda concordaram em fazer uma nova reunião de atualização sobre o tema na metade do mês de janeiro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Descubra por que a queda da Bolsa representa uma rara oportunidade e veja 6 ações incrivelmente baratas para comprar hoje

Read Entire Article